Como determinar se você deve fazer o teste para a proteína C-Reativa

A proteína C-Reativa é encontrada no sangue e é produzida pelo corpo durante uma inflamação. Aqui vão alguns pontos a se considerar na hora de decidir fazer um teste para a proteína C-Reativa:

  1. Altos níveis de proteína C-Reativa no sangue é normalmente sinal de novos eventos coronários em pacientes com angina coronarianas e um histórico de ataque cardíaco. Altos níveis de proteína C-Reativa também estão associados a uma diminuição da taxa de sobrevivência para esse mesmo grupo.
  2. Um nível elevado de proteína C-Reativa aumenta o risco de uma artéria se retrair (reestenose) depois de aberta por angioplastia.
  3. Altos níveis de proteína C-Reativa no sangue indicam ocorrência e recorrência de derrames e doenças vasculares periféricas.

Então, se você tiver algum tipo de doença cardiovascular pré-existente, é bastante evidente que você deve fazer um teste para a proteína C-Reativa. E se você não tiver uma condição cardiovascular existente? Mesmo assim você deve ser testado sobre a proteína C-Reativa ?

  1. A maior parte dos estudos dizem que, quanto maior o nível de proteína C-Reativa, o mais provável é que uma pessoa vai sofrer um ataque cardíaco. Estes estudos têm sido realizados utilizando homens, mulheres e idosos. Embora a associação definitiva entre elevados níveis de proteína C-Reativa e novos eventos cardiovasculares ainda não ter sido oficialmente declarado, há provas que elevados níveis da proteína C-Reativa se correlacionam com novos eventos cardiovasculares.
  2. Os fatores de risco para eventos cardiovasculares incluem histórico familiar de problemas cardíacos, pressão arterial alta, colesterol elevado, tabagismo e diabetes. Se você tem pelo menos um ou dois fatores de risco, você deve fazer o teste. Para adultos sem antecedentes de doença cardíaca ou diabetes, A American Heart Association tem uma avaliação de riscos on-line usando informações do Framingham Heart Study. Se o risco for baixo, eles não recomendam o teste, mas se seu risco for intermediário ou superior, eles sugerem o teste para uma melhor avaliação e terapia.
  3. Os níveis de Proteína C-Reativa são considerados elevados quando são superiores a 3,0 mg / L, considerado intermediário se estão entre 1,0-2,9 mg / L, e baixo se inferior a 1,0 mg / L.
  4. Lembre-se que uma inflamação pode ocorrer no corpo por diversos motivos. Por exemplo, se você tem tido ataques de artrite ou uma infecção, você pode ter um nível elevado da proteína C-Reativa. Não se esqueça de informar seu médico sobre qualquer condição de saúde que possa afetar seu nível de proteína C-Reativa.
  5. A grande vantagem do teste para proteína C-Reativa é sua capacidade de detectar riscos entre pessoas aparentemente saudáveis.

Lembre-se que, se seu nível de proteína C-Reativa for elevado, você terá de tomar medidas ativas para reduzi-la. Isto significa grandes mudanças em seu estilo de vida, como fazer exercícios regulares, parar com os cigarros e bebidas alcoólicas, controlar a pressão arterial elevada e diabetes, e perder peso. Você pode também ter que tomar remédios com estatina, IECAs e/ou medicações antitrombóticas na dosagem que seu médico determinar. O teste da proteína C-Reativa pode dar a paz de espírito de saber se você está em perigo de ter um ataque cardíaco ou acidente vascular cerebral, e em caso afirmativo, o que você pode fazer para minimizar o risco.