Como tratar a fascite plantar

Caminhar sem dores é algo que alguns de nós nem dá valor. Infelizmente, muitas pessoas desenvolvem um tipo particular de inflamação de calcanhar conhecida como fascite plantar. Quem está particularmente em risco são as mulheres, os acima do peso, aqueles com pouco ou muito arco nos pés, e aqueles cujos pés tem um grande stress diário.

Muitas pessoas pensam que a fascite plantar é a mesma coisa que esporão calcâneo, mas na realidade o crescimento ósseo pode ter pouco a ver com essa condição. A fascite plantar é uma inflamação do tecido fáscio, que se estende desde o calcanhar até os dedos. Se você sofre de fascite plantar, pode sentir uma dor excruciante no calcanhar quando anda. Uma sensação quente ou inchaço no calcanhar muitas vezes indicam que você está desenvolvendo fascite plantar também. Cruelmente, a fascite plantar muitas vezes se revela bem quando você se levanta da cama de manhã.

Essa condição covarde merece um tratamento adequado! Faça uma visita a um podólogo para um check-up e ter um diagnóstico. Após o diagnóstico, você será instruído em como se recuperar da fascite plantar e curar seu calcanhar.

  1. Descanse seu pé. As atividade atlética terão de ser adiadas por algum tempo. Você deve evitar sustentar peso pelo pé o máximo possível. Seu médico provavelmente irá aconselhá-lo a tomar alguns remédios NEAIs (não-esteróides anti-inflamatórios), como Advil ou Tylenol, enquanto você descansa o pé.
  2. Pacotes de gelo. Enquanto você descansa seu calcanhar, pode aplicar pacotes de gelo por 10 a 15 minutos várias vezes ao dia para reduzir a inflamação.
  3. Alongamentos restauradores. Seu médico também irá prescrever alongamentos diários destinados a reforçar seu tornozelo, calcanhar e arco, para se recuperar da fascite plantar. Faça os alongamentos conforme instruções médicas. Muitos pacientes sentem que estes exercícios contribuem fortemente para a recuperação.
  4. Calçado com amortecedor. À medida que você se recupera, seu médico pode também recomendar que você invista em sapatos que tenham uma absorção de choques reforçada no calcanhar. Pacientes com fascite plantar muitas vezes encontram alívio usando calçados com amortecedores e acolchoamentos ortopédicos para calcanhar.
  5. Sapatos que sirvam. Isto pode parecer besteira, mas muitos de nós andamos com sapatos que não se ajustam adequadamente. Você pode ter risco de desenvolver fascite plantar se seus sapatos são muito pequenos. Seu médico irá avaliar seu calçado para determinar se você tem necessidade de uma adequação para se recuperar da fascite plantar.
  6. Opções terapêuticas mais agressivas. Através de uma combinação de repouso, alongamentos específicos e  calçados com amortecedores, a maioria dos pacientes com fascite plantar mostra uma grande melhora após apenas uns meses. Mas às vezes essa condição perdura inabalável. Nesses casos, os médicos passarão para um tratamento mais agressivo... e nada pode ser mais "agressivo" que esteróides, certo?

  • Esteróides. Para pacientes com fascite plantar que não tem uma melhora sensível após meses de tratamento, o médico pode administrar uma injeção de corticosteróide diretamente no calcanhar afetado.

  • Gesso. Se o fascite plantar é resiliente, o paciente muitas vezes acaba usando um gesso por um bom tempo. Outra opção é usar uma tala a noite, enquanto estiver na cama.
  • A cirurgia é a opção final do médico quando se trata a fascite plantar. Embora ela seja considerada apenas o último recurso, a cirurgia tem uma grande taxa de sucesso no tratamento da fascite plantar.
Faça algo com a dor no seu calcanhar rapidamente marcando uma consulta com seu médico. O diagnóstico e tratamento precoce pode reduzir muito a quantidade de tempo que levará para seu pé se recuperar da fascite plantar.