Como a pintar em vidro

Pintura em vidro tem ganho popularidade ao longo dos anos. Constitui o processo de adição de tintas ao vidro. O resultado final parece muito com os vitrais. O processo todo é bem fácil, e ao longo do tempo um artista pode ficar bom nisso e obter grandes resultados.

Etapa 1:

Escolha suas tintas. Tintas para vidro vêm em dois tipos. Você pode obter tinta à base de agua, e as que não são a base de água. Há muitas pessoas que não querem produtos à base de água, alegando que eles não são bons para vidro. No entanto, cada tinta tem algumas vantagens em relação a  outra, e aquela que você escolher, no final, é realmente a melhor.

•    Tintas a base de agua - Altamente recomendadas para crianças e iniciantes. São facilmente diluídas em agua e os instrumentos tornam-se fáceis de limpar. A tinta seca ao toque após 20-30 minutos. Isto pode fazer um projeto sair muito mais rápido, e fácil de trabalhar a mistura cores sem acidentes. A peça final seca em 4-8 horas

•    Tintas que não são à base de água - Estas tintas são muitas vezes consideradas de categoria profissional. Mantêm-se melhor, mas tem algumas inconveniências. Você pode dilui-las com thinner para cerâmica, limpando as ferramentas com o mesmo produto. No entanto, a  limpeza dos instrumentos tem de ser feita rapidamente para que eles não se estraguem. Também o tempo de secagem é de 2 horas para o toque, e um mínimo de 8 horas para a última secagem. Isto pode dificultar a finalização do produto e podem apresentar mudança de cores.

Etapa 2:

Escolha o material de esboço. Tintas de vidro são finas e espalham fácilmente ao se tentar pintar com elas. Portanto, usa-se um delineador para formar uma sólida barreira entre as cores. Ele detém as cores que passarão a fazer parte do projeto. Existem várias opções para eles.

•    Adesivo para vidro - Muitas lojas artesanais tem adesivos que farão o esboço da imagem. Eles são fáceis de usar, mas não têm um bom acabamento. Recomenda-se experimentar como iniciante, se você  precisar de algo um pouco mais fácil, uma vez que eles são muito fáceis de usar.

•    Tinta Delineadora - São tintas que vem em um tubo, e podem ser utilizadas com um pequeno bocal. Eles vêm em uma ampla variedade de cores e tamanhos. A desvantagem é a estes que mais tarde elas muitas vezes soltam do desenho.

•    Fita chumbo adesiva - Fita chumbo adesiva pode ser usada para formar a imagem. É mais fácil do que trabalhar com chumbo líquido, mas não parece tão profissional. O chumbo é perigoso, você deve ter cuidado se escolher usá-lo, certifique-se de ler e seguir as instruções e advertências.

•    Cerne chumbo – Para um acabamento profissional você pode utilizar cerne chumbo. Ele vem em um tubo para espremer. É mais difícil de manipular do que as outras opções, mas dá o melhor acabamento. Novamente saiba que o chumbo é perigoso, você deve ter cuidado se escolher usá-lo, certifique-se de ler e seguir as instruções e advertências.

Etapa 3:

Prepare o seu vidro. Comece por lavar e secar cuidadosamente o seu vidro. Manchas, óleos, poeira e sujeira, todos eles tornam difícil pintar o vidro. Utilize alcool ou outro solvente para ter certeza de que está realmente limpo de tudo que dificulte a adesão das tintas (alguns recomendam vinagre). Você deve usar luvas ao manusear o vidro depois de limpo a fim de não engordurá-lo com seus dedos.

Etapa 4:

Cole uma figura. Figuras são fáceis de colocar numa superfície translúcida, basta colar no verso. Você pode usar pequenas quantidades de fita adesiva ou ter cuidado para manter o objeto no local. Objetos curvos muitas vezes dão um pouco mais de trabalho. A imagem terá de ser curvada na peça.

Etapa 5:

Contorne a imagem. Contorne cuidadosamente a sua imagem utilizando o delineador de sua escolha. Siga as instruções para deixar o delineador firme  e seco caso necessite.

Etapa 6:

Pinte a figura. O vidro terá de permanecer em um ângulo horizontal por todo o tempo, em cada seção de secagem. Isto pode ser complicado com peças triimensionais. Comece com uma única cor, e preencha todos os espaços que serão dessa cor. Tenha cuidado para não mover o vidro (se ainda existirem espaços que serão da mesma cor mas em uma seção diferente, deixe-os para depois). Para preencher o espaço ponha um pouco de tinta no pincel e passe por toda a borda da seção, depois, molhe novamente o pincel e preencha o centro.

Limpe o pincel com o método adequado para as tintas que você está usando.

Avançe para a próxima cor. É melhor fazer isso depois da primeira cor secar ao toque. Tenha cuidado para começar de um canto na parte superior em direção ao meio (canto superior esquerdo se você é destro, e canto superior direito se você é canhoto). Isso irá manter a sua mão, punho e braço longe da tinta fresca.

Você pode misturar cores do mesmo produto, normalmente com bons resultados. No entanto, expermente misturar diferentes tipos de tintas, elas podem produzir resultados interessantes. Lembre-se de fazer a mistura numa paleta ou outro item em que a tinta não grude após secar. Use pequenas quantidades de modo a que não fique muitos resíduos da tinta, devagar se vai ao longe!

Etapa 7:


Opcional - Decore. Você pode adicionar glitter e lantejoulas à tinta antes que seque. Ela irá atuar como cola e manterá o objeto no local. Tenha cuidado ao fazer isto e não mova muito o vidro. Use pinça para colar objetos maiores onde você quer que fiquem, e espalhe glitter enquanto a seção que você quer ainda está molhada, e as outras seções não. Polvilhe cuidadosamente sobre ela.

Etapa 8:

Finalize a peça. Você tem agora um vidro pintado. Você pode usar verniz vitral para finalizar o projeto e adicionar uma camada protectora. Isto pode fazer com que as peças durem mais e fiquem bem acabadas. Ele vem com um leve brilho ou um acabamento fosco, que vai fazer com que a peça pareça vidro fosco. Siga as instruções do produto para concluir a peça.