Como escrever poesia rimada

Há muitas coisas que diferenciam a poesia da prosa. Uma dessas diferenças é o comprimento da linha. A outra é a utilização de recursos poéticos que avivam o uso da língua e do som. A rima é um desses recursos poéticos. Se você gostaria de saber como escrever poesia rimada, aqui estão algumas dicas.

1. A verdadeira rima é caracterizada por um som idêntico que começa com a vogal tônica em ambas palavras e continua até o fim. Alguns exemplos de rima verdadeira são ocean/motion, tropic/myopic, hand/understand.

2. Você pode perceber que palavras rimadas não precisam ter o mesmo número de sílabas para rimar. Uma palavra de uma silaba pode rimar com uma palavra de três sílabas, contanto que a rima comece na vogal tônica e prossiga até o final da palavra.

3. Na verdadeira rima, os sons que precedem as vogais tônicas devem diferir. Basicamente isto significa que na verdadeira rima, você não pode rimar com uma palavra com ela mesma.

4. Usar a rima final é a forma mais comum de se escrever poesia que rima. A rima final é o uso de palavras que rimam no fim da linha de um poema.

5. O uso da rima final cria o que se chama de um esquema de rima. O esquema de rima é um padrão de palavras rimadas em um poema. Se você tem uma estrofe de quatro linhas (conhecida como uma quadra) e as palavras no final da primeira e da terceira linhas rimam enquanto as palavras no final da segunda e da quarta linha também rimam, você tem um esquema de rima abab .

Será algo como isto:

I went to the store (a)
To buy some milk (b)
But I found something more (a)
A scarf of silk. (b)

6. Se você é novato em rimar poesia, comece com algo simples. Escreva uma dupla (duas linhas de poesia com rima). Então experimente um terno (três linhas) e finalmente uma quadra. Uma vez que você tenha escrito alguns poemas simples, vá para poemas com mais de uma estrofe.

7. Se você quer escrever um poema rimado com mais de uma estrofe, é comum se prender ao mesmo esquema de rima por todo o poema com exceção da última estrofe. Então, se você optar por escrever um poema com quatro estrofes, três das estrofes devem ter o mesmo número de linhas e o mesmo esquema de rima. A última estrofe pode variar.

Suponha que você vá escrever um poema com três quadras e uma dupla. Seu esquema de rima pode ser algo como isso: abba, cddc, effe, gg.

8. Não é necessário que o final de cada linha seja o final de uma frase ou um pensamento. Na verdade quando a quebra natural de um poema rimado é no final da linha, isso torna o poema meio cantado. As vezes esse é o efeito desejado, especialmente quando se escreve poesia infantil. No entanto, se você continuar desenvolvendo seu pensamento na linha seguinte, uma linha vai fluir facilmente para a próxima e a rima terá uma efeito mais sutil.


9. Uma vez que você pegou o jeito de escrever poemas rimados simples, tente uma forma mais complicada de poesia rimada, como um soneto.

10. Tente fazer uma rima interna e não apenas uma rima final. A rima interna é um recurso poético no qual a rima ocorre dentro da linha. Um exemplo de rima interna seria “and with each chime I knew that time.” As palavras rimadas “chime” e “time” ocorrem na mesma linha.

11. Você também pode usar outros recursos poéticos no seu poema rimado para dar um efeito mais forte a língua e ao som. O uso de aliteração, ritmo, e figuras de linguagem, como comparações e metáforas, deixará o seu poema mais eficaz.

12. A melhor maneira de aprender a escrever poesia rimada é ler muita poesia do tipo. Passe algum tempo lendo poemas de poetas famosos e não-famosos.