Como gravar sua própria música em seu computador doméstico

Fazer suas próprias gravações em seu próprio computador não é tão difícil quanto talvez você pense. Não importa se você está tocando violão ou criando trilhas usando um programa excelente como o Make Your Own Beats - você pode fazer gravações facilmente com apenas alguns itens de equipamento.

Você precisa de uma boa placa de som, um programa de gravação digital de áudio e um bom microfone. São artigos que você pode encontrar na sua loja de computadores. O microfone deve ser um microfone de boa qualidade para gravar voz ou instrumentos, e não um microfone acoplado a um fone de ouvido, ou coisa parecida.

•    Se o seu computador não tem uma boa placa de som, obtenha uma e instale. N verdade a maioria dos PCs (ou Mac's) já vêm com uma boa placa de som. Talvez você precise de um adaptador para o microfone, para ligar o microfone de 1/4 de polegada a um conector mini, que a maioria das placas de som aceita. Conecte o microfone, e localize o software mixador que veio com a placa de som. Você terá que ligar o seu microfone, e fazer testes com a configuração de nível.

•    Instale o seu programa de áudio e configure para gravação. Depois de instalar o seu programa de áudio, abra-o e vá para o menu "Options" (ou "Opções", se o software estiver em português) que muito provavelmente encontra-se no alto da janela do programa. Neste menu, vá até "Áudio" e confira se a sua placa de som está selecionada. Talvez você também tenha a opção de configurar a frequência de amostra, configure para 44100hz, porque esta será uma amostra para qualidade de CD. Se você gravar com uma frequência mais baixa, não conseguirá gravar seus arquivos em um CD. A seguir, vá para "midi", no mesmo menu, e selecione o seu dispositivo de midi. Se você vai gravar midi através da placa de som, certifique-se de que o dispositivo de midi da placa de som está selecionado.

•    Para gravar midi. O midi é um formato de arquivo. É um dos dois principais formatos de arquivo utilizados para gravação de som. Uma maneira como você pode gravar um arquivo midi é conectar um instrumento compatível com o formato midi, como por exemplo um teclado eletrônico, à sua placa de som. Para isto, você precisará de um cabo midi. O próximo passo é selecionar uma trilha em seu programa de áudio; clique em "Source" e selecione o dispositivo midi que está utilizando. Encontre o metrônomo ou a faixa de marcação, que provavelmente está no menu "Options" -> "Project", e você pode configurá-lo para tocar durante a sua gravação e durante o playback para sincronizar com a gravação de outras faixas. Você também pode desabilitar todas estas opções, se preferir. A vantagem do formato midi é que você pode facilmente mudar o som do instrumento com o qual está gravando, para poder ter flauta ou trompete, por exemplo. A desvantagem é que o som terá apenas a qualidade do dispositivo de midi que você está utilizando. Você terá que testar diferentes dispositivos de midi e instrumentos. Os plug-ins de softwares sintetizadores podem dar-lhe um som melhor. Além disto, você não pode gravar o formato midi em CD. Ele precisa ser mixado, ou gravado no próximo formato de áudio que vamos discutir, que é o wav.


•    Fazer uma gravação de áudio usando o formato wav. Qualquer coisa que você grave através de um microfone, voz ou instrumento, é gravada no formato wav. No formato wav, você obtém exatamente o que gravou. Uma vantagem, entretanto, é que as possibilidades de edição são tremendas, fáceis e podem ser revertidas instantaneamente sem perder a trilha original. Para gravar em wav., selecione a trilha e retorne à fonte, porém desta vez selecionando "Áudio". Arme a trilha e configure a sua marcação, se quiser, e está tudo pronto.

Esta é uma visão geral muito básica da gravação digital de áudio e há, obviamente, nuances praticamente infinitas com relação a mixagem, efeitos e plug-ins. No entanto, se você ler o manual que veio com o seu programa de áudio, de uma capa à outra, a maior parte da curva de aprendizagem vem de testar e experimentar, e é aqui que entram toda a diversão e criatividade! Eu fiz algumas das minhas gravações mais interessantes quando ainda estava aprendendo. Você não vai estragar nada, então simplesmente deixe as coisas acontecerem e faça todas as tentativas em que puder pensar.