Como fazer vinho

Há vários passos envolvidos para fazer um ótimo vinho. Os seguintes passos estão listados utilizando uva, mas tenha em mente que você também pode usar mirtilo, framboesa ou outras frutas de sua escolha. Apenas substitua as frutas de sua escolha pelas uvas e siga as mesmas instruções, ajustando o açúcar ao seu gosto.

  1. O primeiro passo em fazer vinho de uva (ou outra fruta de sua escolha) é colhê-las no auge do sabor. Algumas das melhores uvas para fazer vinho incluem Merlot, Concord, Niagara e Catawba. Estas são apenas algumas das diversas variedades disponíveis.
  2. Imersa as uvas na água e ferva, em temperatura média, até que as uvas amoleçam e o suco comece a se separar da polpa. Você vai precisar espremer e pressionar as uvas para separar a polpa e o suco das cascas. Um bom modo de fazer isso é colocar as frutas em uma rede ou sacola de nylon e pressionar o suco para fora.
  3. Para um vinho mais suave, você pode também adicionar sucos comprados ou concentrados de suco para a sua mistura.
  4. Adicione açúcar, nutrientes ácidos e fermente até atingir a proporção desejada. Aqui tem uma receita básica:
    1 galão de fruta de sua escolha (espremida e fervida)

    2,5 kg de açúcar

    1 galão de água

    1/8 de colher de sopa de fermento de vinho (pode ser comprado de uma loja de equipamentos de fabricação de vinho)
    Deixe o fermento dissolver em água morna. Em um container de 2 galões ou maior combine os ingredientes restantes. Mexa até que o açúcar se dissolva completamente. Adicione o fermento e mexa até se misturar. Ajuste esta receita ao seu gosto.
  5. Há também ingredientes opcionais que você pode adicionar no seu vinho para ajudar a controlar o processo e aumentar o gosto.  Muitas pessoas adicionam um tablete de Campden; ele é um tablete de enxofre que ajuda a controlar o crescimento do fermento diminuindo seu efeito (use com moderação quando você estiver pronto para parar a fermentação). Outro ingrediente opcional é uma enzima pectina. Esta enzima ajuda a controlar a extração do ácido, o sabor e o aroma do vinho.
  6. Você pode comprar um kit de teste especial para testar a acidez do vinho se desejar. Além de comprar um hidrômetro para checar os níveis de açúcar. Cheque o nível específico da gravidade do hidrômetro – o nível do açúcar do vinho afeta esta leitura. Vinho de mesa tem uma leitura de gravidade específica de 1.090. Vinho de sobremesa tem uma leitura mais alta, e vinho seco, mais baixa.  Esta escala pode também medir níveis de álcool. Consulte as instruções quando comprar a escala para informações mais detalhadas sobre leitores e usar um hidrômetro. Tanto o kit do teste de acidez e do hidrômetro podem ser comprados em lojas de equipamento de fabricação de vinho.  De forma alternativa, você pode também usar testes de gosto mais pequenos durante todo o tempo do processo para determinar se seu vinho está no caminho certo.
  7. Tenha certeza que todos os containeres e utensílios tem sido cuidadosamente limpados e esterilizados. Você não vai quer fermentar nenhuma bactéria ruim com seu vinho.
  8. Cubra folgadamente o fermento e deixe-o de 3 a 10 dias na temperatura ambiente (cerca de 50 graus Celsius ou um pouco acima) em um jarro ou num balde. O container deve ser de vidro, cerâmica ou plástico. Containeres de metal podem causar uma reação química negativa.
  9. Derrame o líquido e coloque em um jarro para fermentar com ‘airlock’ na tampa do jarro que permita que os gases causados pelo processo de fermentação escapem para lá. Deixe o líquido fermentar por algumas semanas até parar de borbulhar. (Um ‘airlock’ é um dispositivo especialmente feito para produtores de vinho e pode ser comprado em qualquer companhia de ferramentas na produção de vinho).
  10. Você pode verificar o gosto de seu vinho durante o processo se você estiver curioso, mas não beba um copo inteiro. Está ainda fermentando e é provável que você tenha uma desordem estomacal! Não beba o vinho até que o processo inteiro esteja completo e o vinho tenha certa idade.
  11. Derrame o liquido de novo com uma malha fina ou uma gaze. Coloque em uma jarra e repita o passo anterior, deixando o líquido fermentar por mais algumas semanas.
  12. Quando o liquido estiver claro e a fermentação completa (liquido não está mais borbulhando), engarrafe o vinho e arrolhe.
  13. Você pode criar seu próprio rótulo e identificar seu vinho com o ano e o nome da sua família ou até mesmo dar uma marca própria para ele. Você pode escrever manualmente as marcas ou criá-las em um programa do Word e imprimi-las.
  14. Armazene o vinho em seu lado pelas primeiras semanas.
  15. Para um melhor sabor, armazene de 6 a 12 meses antes de beber. Alguns vinhos aumentam em sabor quanto mais velhos ficam. Fazer vinho não é um hobby para pessoas impacientes.
O vinho pode levar de vários meses a vários anos para atingir o seu pleno potencial.

Seu vinho é um ótimo presente caseiro para amigos e familiares. Se você pretende fazer vinhos de forma séria, há livros completos dedicados ao assunto. Você pode encontrar ótimas receitas de vinhos caseiros e equipamento de fabricação em várias fontes onlines.