Como podar tomateiros: Dicas para cuidar de tomateiros

Nada se compara ao sabor de um tomate fresco vindo do pomar. A fim de colher o maior número possível destes deliciosos frutos, você vai precisar podar seus pés de tomateiro. Pode ser confuso saber que galhos permitir que cresçam, e quais devem ser removidos, mas isso pode ser dividido em várias etapas fáceis. Se você seguir estes conselhos, você terá uma maior colheita de tomates saborosos para colocar em saladas, fazer molho de tomate ou adicionar a deliciosos sanduíches.

E se você pretende duplicar, triplicar ou mesmo quadruplicar o crescimento dos tomates, e ter dicas extras para o cultivo de tomateiros, aqui vai a minha recomendação:  How To Grow Juicy, Tasty Tomatoes (Como Cultivar Tomates Suculentos e Saborosos). E aqui vai como podá-los:

  • Que tipo de tomateiro você tem?  Tomateiros determinados irão parar de crescer a certo ponto, e direcionar toda a sua energia para produzir mais folhas e frutos. Eles tendem a produzir uma grande colheita de tomates, que amadurecem todos de uma só vez. A maioria das variedades caquí e italiano são determinadas.
Tomateiros Indeterminados tem mais galhos, e são mais vigorosos. Eles produzem tomates que amadurecem ao longo de um período de várias semanas. Os tomates cereja e comum de salada geralmente são indeterminados.
  • Qual é seu objetivo na poda? Você quer tomates premiados extragrandes, que podem ser em menor número? Ou você deseja tomates de médio calibre, mas em abundância? Ambos estes objetivos são razoáveis, e podem ser alcançados pela poda.
  • Que tipo de poda você prefere? Existem dois tipos de poda - a simples, e a poda Missouri. A poda simples consiste em pegar os brotos com os dedos e puxá-los fora totalmente. Um broto é um rebento que cresce entre o caule e um ramo de folhas. Na poda Missouri, você retira fora apenas a ponta do ramo, permitindo que as folhas permaneçam. Mais folhas significam mais energia para a planta, mas também significa que você terá de aparar qualquer broto que se desenvolva no ramo original, por isso exige muito mais manutenção.
  • Podando tomateiros determinados. O primeiro passo para podar tomateiros determinados é remover todas as flores até que a planta esteja bem adaptada ao pomar. Isso ajuda as plantas a orientar a sua energia para crescer mais fortes e maiores, em vez de produzir frutos muito cedo.
Em seguida, você precisará remover os ramos assim que apareçam. Eles têm de crescer muito antes de produzir frutos. Isto direciona a energia necessária para longe do caule principal da planta. Tente verificar brotos em seus tomateiros pelo menos uma vez por semana. Se eles se tornarem muito grandes, haverá risco de danificar a planta quando forem removidos. Também deixará uma grande ferida no caule da planta, que é a maior entrada de doenças e pragas.

Perto do final do período vegetativo, você terá de "despontar" a planta. Essa desponta significa cortar o topo, a extremidade, ou extremidades, da planta. É necessário fazê-lo de modo que os frutos restantes tenham a oportunidade de amadurecer. Caso contrário, você vai ter uma grande cultura de tomates verdes - não tão desejáveis, a menos que você seja um grande fã de tomates verdes fritos!

Se você quer tomates grandes, adequados para entrar em exposições e impressionar seus amigos, você pode remover todas menos uma das inflorescências de cada ramalhete. A planta irá direcionar toda a energia produzida a partir do caule para um único tomate.
  • Podando tomateiros indeterminados. A questão da poda em tomateiros indeterminados é um pouco mais complexa. No entanto, é uma tarefa necessária. Pés de tomate indeterminados vão formar mais de dez ramos, se deixados sozinhos. Isto significa que a planta acaba deitada no chão, um alvo fácil para doenças e pragas. Os tomates produzidos são mais suscetíveis à podridão e queimaduras de sol.
O primeiro passo, na poda destes tomateiros, como nos determinados, é remover todas as inflorescências até que a planta esteja entre doze e dezoito polegadas de altura. Em seguida, remova todos os brotos abaixo do primeiro ramo que brotou. Você pode continuar a remover todos os brotos se você quiser apenas um único pé. No entanto, a maioria das pessoas prefere deixar que dois ou três pés cresçam. Para fazer isso, deixe um segundo caule crescer ligeiramente acima do primeiro ramo que brotou. Se quiser um terceiro tronco, basta deixar o caule acima deste, crescer também. Mantendo as hastes laterais próximas ao primeiro ramo que brotou garante que eles vão ser fortes, e terão energia suficiente para produzir frutos abundantes.

Agora você sabe como podar tomateiros. Algumas pessoas optam por não podar seus tomateiros. Os frutos formados em plantas não podadas são geralmente menores, e não tão saborosos quanto os de um tomateiro podado, embora sejam mais abundantes. Embora podar tomateiros possa ser uma tarefa tediosa, é muito gratificante colher uma grande safra de tomates suculentos e saudáveis, pelas temporadas afora!