Com publicar livros infantis

Livros infantis são muito populares hoje em dia... séries como os livros de Harry Potter, As Crônicas de Nárnia e Desventuras em Série já fizeram o caminho deles em direção ao cinema enquanto vendem milhões de cópias ao redor do mundo. Outros livros estão em processo transitório para o cinema, e outros estão simplesmente se tornando sucesso nacional e internacional com leitores de todas as idades.

Com o amplo sucesso de tantos livros infantis, você está pensando que você devia tentar escrever um sozinho. É importante lembrar que apenas porque os livros são escritos para crianças, isto não os torna fáceis de escrever. Claro, você não deve deixar isso impedi-lo de tentar ser publicado como um escritor de livros infantis; aqui temos algumas coisas que você deve lembrar para ajudá-lo nessa jornada.

  • Antes que você possa ser publicado, você precisa ter um manuscrito terminado. Nunca submeta um inquérito para um editor dizendo sobre algo que você planeja escrever; se eles aceitarem sua idéia, eles vão querer uma cópia do manuscrito nas mãos deles dentro de algumas semanas.
  • Enquanto você trabalha no seu manuscrito, certifique-se de tratar as crianças para quem você está escrevendo o livro como pessoas ao invés de falar com eles como se fossem ‘apenas crianças’. Escreva livros para o nível deles, mas certifique-se que você respeita o nível deles.
  • Uma vez que finalizou o manuscrito, você precisa encontrar editoras em potencial para publicá-lo. Busque na internet por editoras de livros para crianças, ou use uma referência especializada como guias de mercado para escritores ou sites para procurar por editoras especificamente. Você procurará por diretrizes de submissão para diferentes editoras, que lhe dirão como enviar e que tipo de manuscritos cada editora está procurando (além de alguma informação sobre a estrutura de pagamento). Use estas informações para se limitar às editoras que geralmente publicam o tipo de livro que você tem escrito, e obtenha uma idéia de quais editoras você gostaria de trabalhar com.
  • Quando contatar diferentes editores para ver se eles podem estar interessados em publicar seu livro, envie um inquérito diretamente para um editor específico ao menos que tenha recebido outras instruções nas diretrizes de submissão. Inclua uma sinopse e deixe-os saber que você tem amostras disponíveis se eles quiserem; nunca envie um manuscrito inteiro se não solicitado (ao menos que seja instruído assim nas informações de contato).
  • Se você quiser um livro ilustrado, mencione isso no seu inquérito. Em quase todos os casos, o editor que imprimir seu livro encontrará um ilustrador para o livro, e é normalmente considerado ser de mau gosto para o escritor enviar ilustrações com seu manuscrito inicial. Se você tiver um específico ilustrador em mente ou tem algumas imagens prontas, entretanto, certifique-se de mencionar isto ao editor para que eles possam considerar a idéia.
  • Envie emails com inquéritos para alguns editores ao mesmo tempo (e certifique-se que você os deixe saber que tem submetido para outras editoras também). Certifique-se de incluir envelopes com o próprio endereço estampados em cada, para que eles tenham uma forma fácil de responder a você. É importante que você tenha certeza que os editores a quem você está submetendo aceitam submissões simultâneas; mesmo que a maioria aceite, há alguns que preferem submissões simultâneas. Esta informação será encontrada nas diretrizes de submissão para cada editora. (Se você quer submeter a alguma que não aceita submissões simultâneas, submeta a elas individualmente e espere pelas respostas antes que você submeta para outras editoras.)
  • Esteja preparado para esperar por semanas ou até mesmo meses antes de ouvir a resposta dos editores.
  • Se ninguém comprar seu manuscrito, você pode tomar a oportunidade para fazer revisões baseadas nos feedbacks que você recebeu ou pode submeter mais inquéritos a outras editoras. Persistência é a chave para escrever e publicar livros infantis.