Como medir pressão

Pressão é definida em física como a quantidade de força em uma determinada área aplicada a um objeto, com a direção da força perpendicular (em um ângulo de 90 graus) a superfície. É o efeito quando uma força é exercida em todos os pontos de uma superfície.

Três tipos de medida de pressão

 A pressão é medida a partir de três pontos de referência diferentes.

  • Pressão absoluta é a medida relativa ao vácuo perfeito
  • Pressão manométrica é a medida relativa ao ambiente ou pressão atmosférica
  • Pressão diferencias é a diferença, em pressão, entre dois volumes

A pressão dos pneus de um carro é pressão manométrica, já que a medida da pressão dentro do pneu é comparada com a pressão ambiente ou atmosférica de for a do pneu. Se a pressão dos pneus de um carro está a 32 libras por polegada quadrada (psi – pounds per inch), isso significa que a pressão do ar dentro é 32psi acima da pressão do ar fora. A pressão ambiente ou atmosférica é comumente usada como ponto de referência por ser constante – é 14.7psi. Já que a pressão perfeita do vácuo é 0, a pressão absoluta é a medida da quantidade total de pressão. No caso de um pneu de carro, a pressão absoluta seria o valor manométrico mais o valor atmosférico, logo, 46.7psi. A pressão diferencial é a medida comumente usada em processos industriais. Os instrumentos que medem a pressão diferencial terão dois pontos de acesso, cada um conectado aos volumes que precisam ser comparados. Isso simplifica o processo da medida comparativa, porque tira a necessidade de precisar de dois instrumentos que usam uma constante, fixados separadamente de cada volume.

Unidades de medida de pressão

Algumas unidades de medidas são usadas para pressão. A unidade de medida usada depende do contexto ou campo de estudo. A mais usada é “pascal” ou “Pa” que foi determinada pelo sistema internacional de unidades (SI). Pa é na verdade uma versão menor de “Newton por metro quadrado” ou N/m2 onde Newton representa a quantidade de força e metro quadrado representa a área dada. Fora do SI, ou o antigo sistema métrico, usaria-se kg/cm2 onde quilograma ao invés de Newton é usado para representar a força e centímetros quadrados, a área. “Bar” é uma unidade de medida antiga e mais comumente usada para pressão atmosférica do ar. No nível do mar, a pressão do ar é 1 bar. Metereologistas ainda usam Pa e bar. Já que a pressão também é, em comum, medida através de sua habilidade de deslocar uma quantidade contida de líquido, também pode ser expressada em “milímetros de mercúrio” ou “mmHg” ou “centímetros de água”, mercúrio e água sendo os dois maiores fluídos comuns usados nos instrumentos de medida de pressão que usam este método. mmHg ainda é usado para pressão sanguínea e centímetros de água ainda é usado para pressão pulmonary. Na indústria automotiva, libras por polegada quadrada (psi) ainda é a unidade de medida padrão.

Instrumentos de medida de pressão

Alguns instrumentos usados para medir pressão tem uma coluna de líquido. A quantidade de pressão é determinada pela quantidade de líquido movido. Estes tipos de instrumentos de medida foram chamados coletivamente de manômetros ou, mais técnico, instrumentos hidrostáticos de coluna de líquido. Outra classe de instrumentos de medida de pressão não usa líquidos e são os assim chamado aneróides (“sem líquido”). Estes instrumentos são mecânicos e podem ser usados com tubos fechados enrolados, que expandem ou desenrolam conforme a pressão aumenta ou enrolam mais ainda se a pressão diminui. Estes são chamados de medidores Bourdon, nomeados a partir de Eugene Bourdon que patenteou o modelo em 1849. Outros usam membranas que expandem e contraem como reação a quantidade de pressão. Estes instrumentos são às vezes chamados de diafrágma ou medidores de fole.