Como tratar a cinomose

O vírus da cinomose é responsável pela doença, que é um vírus contagioso para outros cães e é evitável mas não curável. Este vírus é geralmente fatal para o cão que o contrai, pois isso afeta o sistema respiratório, gastrointestinal e nervoso central do cachorro.

A cinomose é altamente contagiosa entre cães, especialmente cães mais jovens. A infecção ocorre ao respirar as partículas aéreas que contêm o vírus da cinomose e através do contato com fluidos corporais, incluindo alimentos e água contaminada.

Os sintomas da cinomose estão listados abaixo. No entanto, note que as vezes uma febre rápida e uma suave depressão podem ser os únicos sinais da cinomose.

  • Febre
  • Falta de apetite
  • Inflamação dos olhos
  • Corrimento nasal
  • Olhos lacrimejantes
  • Letargia
  • Depressão
  • Diarréia
  • Tosse
  • Respiração rápida
  • Vômitos   
  • Enamel hipoplasia
Em filhotes, um rápido processo de erosão dos dentes de leite
  • Hiperqueratose
Patas e nariz endurecidos

Para detectar a doença o veterinário procura por antígenos virais da cinomose através de proteínas que contenham substâncias químicas fluorescentes capazes de mostrar os antígenos, tornando-os visíveis    
  1. O veterinário procura pelo material genético do vírus da cinomose através da execução de uma reação em cadeia da polimerase
  2. Verifica o líquido cefalorraquidiano
  3. O veterinário procura por anticorpos do vírus da cinomose
  4. O veterinário procura por uma elevação dos níveis de proteínas específicas e células indicativas do vírus da cinomose

Depois do diagnóstico com a cinomose dado por seu veterinário, o tratamento deverá incluir o seguinte:

  • Um ambiente limpo e quente que não tenha sujeiras
  • Higiene que inclui conservação dos olhos e do nariz limpos
  • Medicamentos

  1. Anti-náuseas
  2. Anti-vômitos  
  3. Anti-diarréia
  4. Antibióticos
  5. Anticonvulsivantes
  6. Broncodilatadores
  • A restauração do esmalte dos dentes de filhotes

  • Hidratação
Prognóstico da cinomose
  • Incurável
Depois que um cão tenha contraído o vírus da cinomose, ele irá transportar o vírus para sempre
  • Geralmente fatal
A maioria dos cães morrem entre a segunda semana e a décima semana de tratamento
Cães que sofrem de uma rápida disseminação, com graves complicações neurológicas são geralmente sacrificados humanamente
  • Se o seu cachorro sobreviver a cinomose
Condições crônicas ou fatais do sistema nervoso central podem ocorrer
  • Cães com casos menos grave de cinomose
Têm chance de recuperação
Podem ter sintomas durante vários meses
Prevenção da cinomose
  • Vacina
Anuais para prevenção
Dentro de 4 dias de exposição (Note que a vacinação não é susceptível de ser eficazes na prevenção da doença quando a infecção já ocorreu.)
  • Isolar o cão infectado
Para impedir a propagação da doença para outros cães da família
  • Cuidados com a área contaminada pelo cão infectado
Limpe com água e água sanitária
Isolar a área de outros cães durante pelo menos um mês