Como cruzar cães: Informações para criadores de cachorros

Tomar a decisão de criar cães de raça é algo que deveria originar-se do amor a esta raça, em oposição a uma oportunidade de ganhar dinheiro. Os criadores de cães responsáveis devem procurar criar os seus cães em um esforço para produzir cães de alta qualidade, da raça de sua escolha, e devem colocar estes cães em lares adequados. Um recurso excelente para começar o processo de criar animais, especialmente para principiantes na criação de cachorros - cobrindo tudo desde escolher a raça até como cuidar de filhotes nos seus primeiros meses de vida - é o livro How to Breed Dogs.

As dicas a seguir irão ajudar aqueles que têm interesse na criação de cães a saberem mais sobre o processo:

  • Se você tem planos de colocar sua cadela para reproduzir, primeiro deve garantir que ela seja saudável. Isso ajudará a garantir que ela tenha uma gravidez e parto sem complicações. As complicações também podem ser minimizadas esperando até que sua cadela seja adulta antes de fazê-la acasalar, e fornecendo-lhe cuidados adequados e uma dieta de alta qualidade rica em suplementos.
  • Também é importante documentar quando sua cadela entrar no cio pela primeira vez. As cadelas geralmente entram no cio com cerca de um ano de idade, e daí em diante regularmente de seis em seis meses. As falhas nas tentativas de reprodução em grande parte ocorrem por causa dos períodos incorretos. Se você mantiver registros de quando sua cadela entra no cio e utilizar testes hormonais para saber quando o acasalamento deve ocorrer, isto aumentará as chances de uma reprodução bem sucedida.
  • Também é importante escolher o macho de maneira inteligente, quando estiver tentando fazer um cruzamento entre cachorros. O ideal seria que a cachorra selecionada seja isenta de defeitos que você não deseja passar para a próxima geração de cachorrinhos. É importante pesquisar detalhadamente sobre a raça de sua cadela e avaliá-la com relação a problemas comuns da raça definida, como por exemplo o quadril, olhos ou ouvidos. Você só deve tentar o cruzamento com cadelas que têm avaliações satisfatórias, e deve escolher um macho que também tenha boas condições gerais de saúde. Você também deve procurar um macho que não tem falhas que não deseja passar para os filhotes. Tanto a cadela quanto o macho devem ser livres de defeitos genéticos, bem constituídos e de ótimo temperamento. Além disso você pode querer avaliar determinadas habilidades se estiver procriando os cães para um fim específico, como caça ou pastoreio. Nestes casos, você provavelmente vai preferir fazer a procriação com cães e cadelas que possuem instintos fortes e bem definidos.
  • Em seguida você deve considerar que tipo de cruzamento fará. Quer você esteja planejando inbreeding, linebreeding ou outcrossing, cada um destes tipos é utilizado pelos criadores por motivos bem específicos. Inbreeding é o processo cruzar cães com uma consanguinidade muito próxima, como irmão e irmã, ½ irmão e ½ irmã, ou pai/mãe e prole. Linebreeding envolve dois animais reprodutores que compartilham um ancestral comum, mas apesar disto não têm uma consanguinidade muito próxima. Outcrossing ocorre quando os cães não compartilham um ancestral comum. Inbreeding e linebreeding são muitas vezes praticados para manter as características da linhagem, enquanto que outcrossing é frequentemente utilizado para corrigir falhas na linhagem, cruzando um cachorro com uma determinada falha com um outro cão, não aparentado, que não é portador desta mesma falha.
  • Depois de selecionar um cão e uma cadela para acasalarem, você deve determinar cuidadosamente quando colocá-los juntos. A maioria das cadelas têm mais probabilidade de engravidar 10-12 dias depois de entrarem no cio. Você pode querer visitar regularmente seu veterinário para fazer testes hormonais que indicam quando sua cadela está pronta, ou pode optar por colocar a cadela e cachorro reprodutor juntos logo que ela entrar no cio, e muitas outras vezes mais enquanto ela ainda estiver no cio.
  • Se o acasalamento for eficaz, você deve ser capaz de se determinar se a cadela está grávida aproximadamente 22 dias após a reprodução. Seu veterinário pode examinar sua cadela para confirmar se ela está grávida.
  • Depois que sua cadela estiver grávida, você deve acompanhá-la atentamente para garantir que ela se mantenha saudável e em segurança. O período gestacional para um cão é de cerca de 60-64 dias. Durante as primeiras três semanas, a cadela não terá necessidades nutricionais significativamente diferentes de suas necessidades regulares. No entanto, nas últimas semanas, ela deve receber ração e/ou alimentação própria para filhotes, que normalmente contêm maiores quantidades de gordura. Ela também deve receber mais alimentação, e as refeições devem ser divididas em pequenas refeições frequentes para ajudar a manter uma saúde ótima durante a gravidez. Ela deve receber alimentação própria para filhotes até que os seus filhotes tenham nascido e sido desmamados. O desmame tipicamente acontece quando a ninhada alcança a idade de seis semanas.
  • Quando os filhotes nascerem, um criador responsável deve assegurar que os cachorrinhos sejam colocados em lares excelentes. Estes lares devem ser carinhosos, seguros e bem informados sobre a raça. Além disso, os criadores devem ser dispostos a aceitar a devolução de um cão que criaram, qualquer que seja o motivo.